Artigo da Diretora do CEIPE, Claudia Costin, e Rafael Parente sobre a importância de desenvolver o potencial criativo dos estudantes é publicado no Correio Braziliense

"Diversas razões explicam porque um número cada vez maior de países está incluindo a criatividade no currículo escolar: ela impulsiona o desenvolvimento cultural; a globalização, os avanços de novas tecnologias, pandemias e outras crises fazem da capacidade de criar soluções inovadoras para problemas complexos uma das principais competências para o futuro da vida e do trabalho; é fundamental para que os jovens possam ser felizes em um mundo em rápida transformação, enfrentando incertezas."

Trecho do artigo "Pensamento criativo e educação no século 21" assinado por Claudia Costin, diretora do CEIPE, e Rafael Parente, CEO da BEĨ Educação, publicado no Correio Braziliense. Confira o texto completo no link.

Tipo da notícia: 

CEIPE na Mídia